16/04/2020 às 11h14min - Atualizada em 16/04/2020 às 11h14min

Iluminação de praças, parques e quadras esportivas é desligada em Hortolândia

Prefeitura de Hortolândia
Divulgação
A iluminação de algumas áreas públicas de Hortolândia, como parques, quadras e praças, está sendo desligada, à noite, a partir de agora. A medida faz parte das ações do Poder Público para prevenir o avanço da COVID-19 no município, onde há cinco casos positivos da doença, segundo dados da Secretaria de Estado da Saúde. Ainda não há data prevista para o retorno da iluminação nestes locais. De acordo com a Secretaria de Governo, a decisão foi tomada após moradores da cidade desrespeitarem as medidas de isolamento, formando aglomerações nestes locais.
 
A fiscalização municipal flagrou muitas pessoas desrespeitando as orientações de permanecer em casa durante a pandemia e formando aglomerações em parques, quadras esportivas e praças da cidade. Como medidas de prevenção, a Administração Municipal decidiu cortar a iluminação nestes pontos estratégicos. "Flagramos muitas pessoas reunidas em grupos nestes locais abertos. Por isso, decidimos pelo desligamento da iluminação neste período em que somamos esforços para combater este vírus e preservar a vida das pessoas", explicou o secretário de Governo, Carlos Augusto Cesar, o Cafu.  As medidas de isolamento social são apontadas pela OMS (Organização Mundial da Saúde) como a melhor forma de evitar a propagação do Coronavírus.
 
Suspensão gradativa
 
O trabalho de suspensão será realizado à medida que os relatórios de fiscalização forem registrando desobediência às medidas preventivas adotadas pelo município. Somente neste final de semana, foram registradas 79 denúncias de festas em chácaras e residências. Os locais receberam a visita dos fiscais municipais e pelo menos 36 foram multados.
 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018