03/05/2017 às 09h55min - Atualizada em 03/05/2017 às 09h55min

Deputado Estadual Roberto Engler comemora bodas de prata e visita Santa Bárbara d’ Oeste

Redação
Assessoria Deputado
Para celebrar seus 25 anos de representatividade por Santa Bárbara d’Oeste o deputado estadual Roberto Engler (PSDB) esteve na cidade nesta terça-feira (2) a convite do vereador Paulo Monaro. O parlamentar cumpriu agenda, com visitas à Escola Professora Maria de Lourdes Maia Frota, no Conjunto Habitacional Angelo Giubina e à Comunidade “Casa de Maria, Mãe do Puro e Belo Amor", que atende mais de 600 pessoas de 31 bairros do município.“Como nosso tempo é curto escolhemos uma entidade e uma escola para visitarmos, como um ato simbólico pois, sempre trabalhamos por todas elas. E me coloquei a disposição para continuar contribuindo com cada uma, seja atraves de emendas parlamentares, buscas de recursos entre outras medidas, destacou o deputado. 


Engler também esteve reunido com membros da Associação Comunitária Anunciação de Santa Barbara d'Oeste, e na oportunidade garantiu que levará para a Alesp um projeto de lei que torne a entidade dê utilidade pública. 


Já no período da tarde, Engler esteve na Câmara Municipal, onde fez uso da tribuna livre, da sessão ordinária, para apresentação de uma prestação de contas dos seus 25 anos na Assembléia Legislativa e de todo seu trabalho realizado na cidade. 

“Me considero um instrumento e agradeço a Deus por esse dom de poder trabalhar, entender as necessidades dos municípios e buscar melhorias. Santa Bárbara é uma cidade que me permite fazer isso e vou continuar fazendo”, frizou Engler que afirmou sua candidadura para 2018. “Não posso parar de ajudar com meu trabalho e a população vai decidir se fico ou não”, complementou.


Ainda no Legislativo Municipal, o deputado Roberto Engler atendeu a presidente da AMAI (Associação de Monitoramento dos Autistas Incluídos), de Santa Bárbara d’Oeste, Eufrásia Agizzio. Ela manifestou preocupação comum a muitas instituições do estado de São Paulo: alterações no Programa Nota Fiscal Paulista que podem prejudicar o repasse de recursos a entidades assistenciais.Determinações do Governo do Estado pretendem fazer com que cupons fiscais destinados às entidades tenha de ser identificados pelo consumidor. Na visão das instituições, isso deve prejudicar a arrecadação de recursos que, somente em 2016, somaram mais de R$ 100 milhões. “Vamos avaliar formas de apoiar o movimento que está sendo desenvolvidos pelas entidades assistenciais”, garantiu Roberto Engler.


Por fim, o deputado encerrou sua visita a cidade com reunião na Acisb (Associação Comercial e Industrial de Santa Bárbara d'Oeste). Juntamente com o presidente Roberto Bonamin e membros da diretoria, falaram sobre o projeto de lei 874/2016, de autoria do governador Geraldo Alckmin (PSDB) que alterar a lei 15.659, que obriga lojistas a notificar o consumidor antes de inseri-lo no cadastro de proteção ao crédito.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018