25/03/2017 às 01h55min - Atualizada em 25/03/2017 às 01h55min

Na luta contra o rebaixamento torcedor vira amuleto do União Barbarense

"Joãozinho” tem paralisia cerebral e serve de motivação na fase complicada do lanterna Leão da Treze

Redação
G1
João Gabriel Peressim, 31 anos, tem paralisia cerebral e é um apaixonado pelo União Barbarense e, por isso, se tornou o "amuleto" do elenco na luta contra o rebaixamento na Série A2 do Paulista. 
"Joãozinho", como é carinhosamente conhecido no clube, sempre ao lado de seu pai, Antônio Sérgio Peressim, de 60 anos, acompanha fielmente todos os jogos do seu time de coração. O União Barbarense está perto de ser rebaixado, já que em 12 partidas, teve apenas duas vitórias e é nesse momento ruim, que os jogadores veem nele uma forma de superação, garra e determinação.
 
“Todas as vezes que nós vamos dar um abraço nele (Joãozinho), independente do resultado, é impressionante sua vibração.É algo que ele transmite a todos nós. Um menino que mesmo com todas as dificuldades que tem consegue retribuir o carinho, disse o técnico Cláudio Britto, que assumiu o comando do Leão da Treze no decorrer da A2.

 
Orgulhosa, a mãe do torcedor Antônia Peressim conta que o filho tem um espaço reservado para acompanhar aos jogos do Leão da Treze no estádio. “Os atletas gostam muito do João e vão ao seu lado comemorar o gol. Até o técnico (Cláudio Britto), quando vê que ele está lá, vai logo cumprimentar, deixando-o eufórico, parece até que vai cair da cadeira”, falou Antonia Peressim. 
No domingo, às 16h, o Leão da Treze volta a campo contra a Portuguesa, no Estádio do Canindé, em São Paulo, pela 13ª rodada.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018