18/01/2018 às 19h39min - Atualizada em 18/01/2018 às 19h39min

​Servidores de Americana vão voltar a trabalhar oito horas diárias

Omar afirmou que mandou revogar decreto do ex-prefeito Diego De Nadai (PDT) que reduziu a carga horária para seis horas

Rodrigo Pereira - rodrigo.pereira@portalatualidade.com.br
Redação
Uma das intenções é servir a refeição perto de onde o servidor estiver trabalhando, diz Omar. Foto: Divulgação
O prefeito de Americana, Omar Najar (PMDB), afirmou hoje (18) que servidores municipais que tiveram carga horária de trabalho reduzida para seis horas durante a gestão do ex-prefeito Diego De Nadai (PDT) voltarão a ter jornada de oito horas a partir de 1º de fevereiro. "não é justo o pessoal trabalhar seis horas e receber por oito horas", disse o chefe do Executivo, acrescentando que a alegada intenção de economia (com alimentação, energia, entre outras despesas) que embasou a alteração é "insignificativa".

"É um decreto do ex-prefeito. Ele que fez esse decreto e eu já mandei revogar, que volte a trabalhar oito horas (...) Nós vamos estudar maneiras de servir o almoço e o lanche, para não perder muito tempo no local de trabalho, porque essa história de ir, levar (para a refeição) e voltar se perde muito tempo. Temos de estudar uma maneira... por exemplo: vai se fazer um trabalho no Cidade Jardim, Então, já se programa, e o almoço vai ser servido lá para o pessoal que trabalha lá. Arruma uma escola, um local do município para ser servido", afirmou o peemedebista. 

O prefeito disse afirmou que a intenção também é priorizar um trabalho ininterrupto. "O pessoal alegava que se economizava no marmitex. Pra mim é insignificativo porque (a nova proposta) (...) é uma maneira de dar continuidade, (o serviço) é mais ágil (...) Eu já cobrei o pessoal do DAE, já conversei com o (Carlos) Zappia (diretor da autarquia) e falei: 'a partir de agora vamos modificar, a partir de 1º de fevereiro volta tudo ao horário normal, oito horas diárias'", concluiu o chefe do Executivo.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018