01/03/2019 às 10h59min - Atualizada em 01/03/2019 às 10h59min

Chuvas fortes causam estragos

Chuvas intensas causaram inundações

Agência Estado
Foto: Reprodução
Chuvas intensas causaram inundações e espalharam estragos, nesta quinta-feira, 28, pelo interior e litoral sul do Estado de São Paulo. Em Iguape, no Vale do Ribeira, uma rede antiga de esgoto estourou com a pressão da água e abriu uma grande cratera no bairro Beira Valo, próximo do centro histórico. A área foi interditada. A Defesa Civil vai avaliar se as casas do entorno estão em risco. Na zona rural, a Estrada do Jairê, ficou coberta pelas águas. Não havia informações sobre famílias ilhadas.


Em Salto, na região de Sorocaba, as águas do Rio Tietê voltaram a cobrir a rua 24 de Agosto, que está interditada. Parte do Parque das Lavras também foi tomado pelas águas. A Ilha dos Amores, no Complexo da Cachoeira, também está interditada por segurança. A nova cheia acontece uma semana depois da enchente que deixou toda parte turística da cidade coberta de lixo. Mais de 17 toneladas de lixo foram recolhidas depois que as águas baixaram.

Em Itariri, uma ponte de madeira foi levada pelas águas, depois que a cabeceira cedeu, no bairro Areia Branca. Duas famílias ficaram isoladas. Já no litoral sul, uma chuva forte causou o alagamento de duas escolas. A Escola Estadual Professor Jon Teodoresco, no bairro Mosteiro, teve as salas de aulas, corredores e pátio tomados pelas águas. As aulas foram suspensas Os alunos tiveram de improvisar uma passarela com mesas para transpor as áreas alagadas. A Escola Estadual Benedito Calixto também sofreu alagamento, mas manteve as aulas.

A Defesa Civil de Capivari, na mesma região, colocou a cidade em estado de atenção devido ao risco de transbordamento do Rio Capivari. A prefeitura de Sorocaba interditou uma ponte na Estrada do Mato Dentro, depois de constatar risco de queda devido às chuvas. O trânsito de acesso ao bairro está sendo desviado.

Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018