13/02/2019 às 11h31min - Atualizada em 13/02/2019 às 11h31min

Funcionários públicos são tratados como um lixo em S. Bárbara, diz Dr José

A frase foi dita pelo parlamentar na sessão de ontem (12) da Câmara Municipal de S. Bárbara

Luis Capucci - redacao@portalatualidade.com.br
Foto: Reprodução/ Facebook
O vereador José Antônio Ferreira, o Dr José (PSDB), declarou durante a sua fala na tribuna livre da sessão de ontem (12) da Câmara Municipal de Santa Bárbara d’ Oeste que os funcionários públicos são tratados como um lixo na cidade. O parlamentar propôs uma CEI (Comissão Especial de Inquérito) para investigar o atraso dos salários dos funcionários públicos.

O vereador relatou que a Prefeitura de Santa Bárbara respondeu ao seu requerimento afirmando que os salários dos servidores não estão sendo parcelados. “Então eu peço aos vereadores que reflitam bem sobre a condição dos funcionários públicos. E se fosse você? Fosse alguém da sua família? Você acharia legal ter que trabalhar sorrindo, não só com o parcelamento de salários. Trabalhar sorrindo 30 dias para o público, que é a função do servidor, mas sorrir de que jeito? Salários parcelados e responsáveis técnicos tratando funcionários como se fossem um lixo”, afirmou o Dr. José.

O parlamentar também teceu críticas ao Sindicado dos Servidores Públicos da cidade. “Os funcionários acabam recorrendo aos vereadores por que o sindicato não defende a classe. Desde de 2009, quando foi feita a reposição na inflação a gente já observa que o sindicato vem assim. Vem mudando presidente, mas o funcionário público é deixado de lado. “, declarou o vereador, que também é funcionário público.

Para ser aberta, a CEI precisa de sete assinaturas. Até agora os parlamentares Jesus Vendedor (DEM), Carlão Motorista (PDT), Dr. Edmilson (PPS), Joi Fornasari (SDD) e o próprio Dr. José já assinaram.
 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018