31/01/2018 às 15h05min - Atualizada em 31/01/2018 às 15h05min

Hospital demite funcionários filmados dançando funk em horário de trabalho; veja vídeo

"Deixaram pacientes esperando pelos seus serviços para gravar um vídeo de humor", alega a instituição

- redacao@portalatualidade.com.br
Agência Estado
Funcionários dançam "Que Tiro Foi Esse", de Jojo Toddynho. Foto: Reprodução
Quatro funcionários do Hospital Santa Izabel, da Santa Casa de Salvador, foram demitidos na última semana após gravarem um vídeo dançando a música "Que Tiro Foi Esse", de Jojo Toddynho. O vídeo foi publicado no YouTube.

De acordo com o hospital baiano, o vídeo foi feito durante o horário de trabalho e sem autorização dos superiores. "A instituição entende que a gravação vai de encontro a um dos pilares da existência da Santa Casa, que é o atendimento de excelência ao paciente. O vídeo mostra funcionários em horário de trabalho, sem autorização expressa da instituição, fardados e que deixaram pacientes esperando pelos seus serviços para gravar um vídeo de humor. Centenas de pacientes são atendidos diariamente num hospital e, muitas vezes, a demanda por procedimentos é maior do que a capacidade, por isso, a dedicação e entrega da equipe é o que faz a diferença em um tratamento humanizado e de qualidade", informou a instituição em comunicado

O hospital de Salvador ainda afirmou que as demissões foram feitas "dentro das normas legais, respeitando os direitos dos funcionários" e que não foram justa causa.

Desde o lançamento de "Que Tiro Foi Esse", vídeos de anônimos e famosos fingindo ser alvos de tiros em locais públicos têm inundado as redes sociais.



 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018