12/01/2018 às 09h34min - Atualizada em 12/01/2018 às 09h34min

Quedas de energia momentâneas só devem acabar em fevereiro em Santa Bárbara

Situação tem ocorrido nos bairros Cidade Nova, Planalto do Sol e Conjunto dos Trabalhadores; moradores relatam danos em eletrodomésticos e eletroeletrônicos

Rodrigo Pereira - rodrigo.pereira@portalatualidade.com.br
Redação
Foto: Divulgação/PortalAtualidade
As quedas de energia momentâneas que vêm ocorrendo nos bairros Cidade Nova, Planalto do Sol e Conjunto dos Trabalhadores, em Santa Bárbara d'Oeste, só devem ser totalmente encerradas em fevereiro, comunicou hoje (11) a CPFL Paulista. A situação tem ocorrido por conta de "manobras para melhorias na rede", segundo a empresa. Moradores relatam prejuízos, por conta de danos em eletrodomésticos e eletroeletrônicos.

O parlamentar José Antonio Ferreira, o Dr. José (PSDB), afirmou que recebeu, nos últimos dias, diversas reclamações de moradores quanto a "constantes" quedas de energia elétrica em suas residências. “Diferentes munícipes relatam que essas quedas, que têm ocorrido com frequência em domicílios nos bairros Cidade Nova, Planalto do Sol e Conjunto dos Trabalhadores, estão provocando danos em eletrodomésticos e eletroeletrônicos. Comerciantes desses bairros também informam que estão sofrendo prejuízos com as quedas, que ocorrem principalmente no período noturno”, disse.
Por meio de moção protocolada nesta semana na Câmara, ele manifestou apelo à CPFL para providências quanto "constantes quedas de energia elétrica" nos bairros.

"A CPFL Paulista informa que, por conta de manobras no sistema elétrico para melhorias na rede, os bairros citados Cidade Nova, Planalto do Sol e Conjunto dos Trabalhadores, na cidade Bárbara d'Oeste vem apresentando quedas momentâneas e pontuais no fornecimento de energia. A empresa esclarece que a situação está prevista para ser integralmente normalizada no início de fevereiro, quando as obras forem totalmente encerradas", divulgou a CPFL.
 
RESSARCIMENTOS
A concessionária informou que o pedido de ressarcimento por danos em equipamentos elétricos causados por instabilidade no fornecimento de energia será analisado conforme resolução da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica). O ressarcimento pode ser solicitado através dos canais de relacionamento até 90 dias depois da ocorrência que teria danificado o aparelho. O consumidor deve fornecer uma breve descrição do caso com provável data e horário do ocorrido, informações sobre sua unidade consumidora, relato dos problemas apresentados e detalhes de marca e modelo do aparelho. Caso seja encontrada ocorrência na rede de distribuição, a CPFL pode requerer que o cliente envie dois orçamentos do equipamento danificado.

"Para casos de indenização, a CPFL Paulista analisa cada caso pontualmente.  A distribuidora se coloca à disposição uma rede de atendimento que funciona em qualquer dia e horário, finais de semana ou feriados. O cliente pode acessar a CPFL pelo site www.cpfl.com.br e pelo telefone 0800 010 10 10 70 (ligação gratuita)", concluiu.

Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018