14/11/2017 às 17h50min - Atualizada em 14/11/2017 às 17h50min

Corpo achado em rio pode ser de mulher desaparecida em Americana

Cristiane Caldeira
Redação
Reprodução/Facebook
Foi encontrado no Rio Piracicaba, em São Pedro, em estado avançado de decomposição, um corpo que pode ser da faxineira Cleunice Rodrigues, 40, que está desaparecida desde o dia 15 de outubro, quando saiu de sua casa, em Americana. Policiais de Piracicaba confirmaram que o corpo foi reconhecido por uma das filhas da vítima pelas roupas, mas foi colhido material genético para confirmação da identidade.

A polícia investiga a suposta participação de um ex-genro de Cleunice e do pai dele no crime. Ambos foram presos no Paraná e estão em prisão temporária na Cadeia de Santa Bárbara d'Oeste desde a semana passada. As investigações ainda não foram concluídas, mas há indícios de que a morte de Cleunice tenha sido motivada por desentendimento familiar. 
Ela teria sido morta a tiros próximo à estrada da Balsa, onde o carro dela foi encontrado com manchas de sangue, e o corpo jogado no Rio Piracicaba. O corpo só será liberado à família após confirmação de exame de DNA.
 
O CASO
 
Cleunice desapareceu após sair de casa, no bairro São Jerônimo, em Americana, em seu carro, um Gol prata, placas DAR-7686, de Americana, dia 15 de outubro, depois de retornar de um baile. O veículo foi encontrado no dia seguinte próximo à Estrada da Balsa, em Limeira, com marca de tiros e sangue.
O pedido de prisão temporária do ex-genro da vítima e o pai dele foi feito pela DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Limeira. 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018