29/09/2017 às 13h34min - Atualizada em 29/09/2017 às 13h34min

​MP denúncia policial militar que matou ex-namorada e pena pode chegar a 30 anos de prisão

Reprodução/Facebook

O Policial Militar, lotado em um batalhão de São José do Rio Preto, Carlos Alberto Ribeiro, de 36 anos, acusado de matar a ex-namorada Lorena Aparecida dos Reis Pessoa, de 29 anos, com sete tiros, foi denunciado pelo Ministério Público e sua pena pode chegar a 30 anos de prisão. A justiça também negou, no último dia 13, pedido de liberdade provisória por sua defesa. O feminicídio aconteceu no dia 8 de setembro, na Vila Aparecida, em Santa Bárbara d´Oeste. Após os disparos, Ribeiro se apresentou na 2ª Companhia da PM confessando o crime.

Ribeiro foi denunciado por matar alguém por motivo torpe, cruel e sem chance de defesa, como prevê o artigo 121 do Código Penal. O PM ao ser interrogado, disse estar arrependido e que só vai se manifestar em juízo. 

Segundo consta trecho da denúncia, “É certo que o crime foi cometido por motivo torpe, uma vez que o acusado não aceitou o termino do relacionamento com a balconista e foi cometido sem chance de defesa. A vítima estava em casa com seu filho de apenas três anos, quando recebeu diversos tiros nas constas”, traz trecho da denúncia, assinada pela promotora de Justiça Luciana Ribeiro Guimarães Viegas de Carvalho. 

Lorena e Ribeiro se conheceram há quatro anos. Ela era balconista em um supermercado e o PM fazia bicos de segurança no mesmo estabelecimento. Durante o namoro Lorena engravidou e o autor do crime pediu que a gestação fosse interrompida. A balconista se recusou e moveu processo contra ele para reconhecimento da paternidade. Durante a ação, Lorena descobriu que Ribeiro era casado e mantinha uma família em São José do Rio Preto. Com o término do relacionamento o PM passou a ameaça-la.

Carlos Ribeiro está preso no presídio militar Romão Gomes, em São Paulo.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018