21/09/2017 às 18h15min - Atualizada em 21/09/2017 às 18h15min

DAE afirma que problema será solucionado em até 30 dias no bairro Laudisse em S.Barbara

Moradora entrou em contato com a redação para expor problemas diários no bairro

Fernanda Nastrini
Redação
Ilustração/Internet
Moradores do Laudisse II reclamam da constante falta de abastecimento de água no bairro, o que tem prejudicado atividades simples como lavar louças, roupas, limpar a casa e até tomar banho.

O DAE – Departamento de Água e Esgoto de Santa Bárbara d’ Oeste tem conhecimento do assunto e garante que o problema será solucionado em até 30 dias.

A auxiliar de escritório, Luciana Cristina Caso, 29 anos, mora no bairro há pouco mais de dois anos e conta que não passou nem um dia com o abastecimento normal. “É muito difícil de manter a casa limpa, a roupa lavada e a pia da cozinha em ordem. Desde que casei estou morando no bairro e convivo com esse problema”, desabafou pedindo que a autarquia solucione o problema. “Por várias vezes fomos ao DAE cobrar uma medida e eles afirmam ter conhecimento do problema, já que a adutora é antiga e precisa ser trocada, só que não está no cronograma de obras”, contou Luciana. 

Outra moradora, Rosalina Aparecida Gribolão, de 58 anos, disse que mora no bairro há 35 anos e que desde 2015 sofre com a falta de água. “Quando começou o problema de faltar água perdi minha máquina de lavar roupa e somente no mês passado consegui comprar outra”, disse a dona de casa, acrescentando ainda que ainda lava as roupas na mão com medo de ter outra máquina estragada.

Questionado sobre o assunto, o DAE afirmou ter conhecimento do problema e que somente agora foi possível constatar o problema. Em nota, explicou que no último sábado (16) foi iniciada uma obra no ponto de distribuição de água tratada responsável pelo abastecimento dessa região, localizado no Conjunto Habitacional Roberto Romano, composto por um reservatório semienterrado e um elevado.


“A obra consiste na individualização deste sistema através da instalação de uma nova linha de recalque da água para o reservatório elevado, o qual possui duas reservas de 510 mil litros cada, sendo que uma ficará exclusiva para o atendimento dos bairros Laudissi II, Rochelle I, Parque Olaria, Santa Alice e Recreio Alvorada, tornando o abastecimento independente do Romano e do Rochelle II. A previsão é que a obra seja concluída em 30 dias.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018