14/05/2020 às 17h50min - Atualizada em 14/05/2020 às 17h50min

Prefeito e vereadores de S. Bárbara reduzem salários de estagiários e bolsa-creche

Justificativa é que se trata de uma medida para o enfrentamento da pandemia; salário do prefeito e vereadores não sofreu alteração

Redação
Divulgação
Os vereadores de Santa Bárbara d'Oeste aprovaram essa semana um projeto de lei complementar de autoria do Executivo (prefeito Denis Andia) que reduz o salário de estagiários do município e o valor do bolsa-creche.

O projeto reduz em 32% o valor do bolsa-creche, um convênio promovido entre o executivo e entidades filantrópicas, ONGs e escolas particulares. No mesmo projeto há, ainda, aredução para R$ 400 do valor da bolsa-auxílio dos estagiários no período de suspensão parcial das atividades laborais presenciais.

A justificativa do projeto, dada pelo prefeito, é que são medidas para o enfrentamento da pandemia do novo coronavírus em Santa Bárbara d’Oeste. Entretanto, até o momento os salários do prefeito, vice-prefeito e vereadores não sofreram nenhuma redução.

Votaram a favor do projeto os vereadores: Carlos Fontes (PSL), Celso da Bicicletaria (MDB), Celso Ávila (PV), Kadu Garçom (PL), Dr. Edmilson, Germina Dottori (Podemos), Gustavo Bagnoli (PL), Joel do Gás (PV), Joi Fornasari (PV), Marcos Rosado (PL) e Paulo Monaro (MDB).

Nesta quinta-feira (14), o vereador Carlos Fontes (PSL) protocolou um projeto de resolução para reduzir 30% dos salários do prefeito, vice-prefeito, secretários municipais e dos vereadores. 

A proposta precisará passar pelos trâmites das Comissões Permanentes para, somente então, ser votada pelos parlamentares.

Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018