08/05/2020 às 19h22min - Atualizada em 08/05/2020 às 19h22min

Empresa produz máscaras transparentes para doação a deficientes auditivos

A Cidade On
Divulgação
Cada vez mais importantes no dia a dia - sendo, inclusive, de uso obrigatório dentro dos comércios e recomendado nas ruas - as máscaras de proteção diminuem a disseminação do novo coronavírus (covid-19), mas trazem consigo um outro sério problema: impedem a leitura labial, algo necessário para os deficientes auditivos.



Há 25 trabalhando com crianças e adultos portadores de perda auditiva, a fonoaudióloga Elaine Soares, da On Aparelhos Auditivos, viu a rotina de trabalho mudar drasticamente com a chegada da pandemia. "Ela é necessária para a proteção, mas obstrui parte do rosto, impedindo que o deficiente auditivo faça a leitura labial, dificultando a comunicação".

A solução veio de forma simples: uma parte do tecido da máscara é removido e substituído por um pedaço de plástico transparente, permitindo que os lábios fiquem exposto, mas sem perder a proteção contra o vírus.

Com a ajuda de voluntários e costureiras, Elaine conseguiu produzir 1 mil máscaras adaptadas para doação e já tem material para produzir outras 1 mil.

As máscaras transparentes são destinadas para deficientes auditivos, cuidadores, professores, terapeutas e outros profissionais que convivem com essa necessidade.

Elas são reutilizáveis da mesma forma que as máscaras de pano, sendo necessária apenas a higienização entre cada uso.

Agora, a empresa de Elaine iniciou uma campanha para doar estas máscaras. Para receber uma das máscaras transparentes, a empresa pede que seja feito contato pelo WhatsApp (19) 97135-7134.

Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018