23/04/2020 às 17h06min - Atualizada em 23/04/2020 às 17h06min

Câmara de S. Bárbara contribuirá com R$ 1 milhão para a saúde do município

Divulgação
Diante da calamidade gerada pela disseminação do novo coronavírus pelo mundo e as consequências econômicas sofridas inclusive pela sociedade barbarense e sua Administração, o presidente da Câmara barbarense, vereador Felipe Sanches (PDT), com a anuência dos demais parlamentares, decidiu abrir mão do total de R$ 1 milhão de parte dos recursos financeiros a serem recebidos pelo Poder Legislativo da Prefeitura, o duodécimo. Segundo Felipe, a Casa de Leis irá reduzir o valor a ser requisitado ao Poder Executivo, a começar por R$ 250 mil a menos neste mês, e assim seguirá até completar R$ 1 milhão.


 
A redução no repasse de parte do duodécimo foi minuciosamente avalizada pela Diretoria Administrativo-Financeira e pela Controladoria da Câmara barbarense. “Consideramos o atual quadro de pessoal deste Poder Legislativo, as economias realizadas nos contratos e despesas no presente exercício, além do cancelamento de possíveis novos projetos e investimentos, e não vislumbramos nenhum óbice nessa devolução antecipada”, afirmou Alex Borges, diretor da Controladoria da Câmara. 
 
"Esse valor deixará de ser repassado à Câmara e, portanto, ficará à disposição do Executivo para aplicação na área da Saúde, especialmente neste momento de crise em virtude do COVID-19", explica Felipe, lembrando que uma das razões que permitiu essa folga no orçamento do Legislativo foi a ampla reforma administrativa implementada no ano passado, com ações como a supressão de funções de confiança  e o limite das incorporações salariais, entre outras.

Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018