17/07/2019 às 08h49min - Atualizada em 17/07/2019 às 08h49min

Paulínia terá nova eleição no dia 1º de setembro

Dixon Ronan de Carvalho (PP) e seu vice, Sandro Caprino, tiveram os mandatos cassados por abuso de poder econômico

Walter Duarte
Divulgação
O TRE (Tribunal Regional Eleitoral) de São Paulo marcou para o dia 1º de setembro a eleição que escolherá os novos prefeito e vice-prefeito de Paulínia. Dixon Ronan de Carvalho (PP) e seu vice, Sandro Caprino, tiveram os mandatos cassados por abuso de poder econômico e arrecadação ilícita de recursos na campanha de 2016.

A cassação foi confirmada pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) em maio deste ano. Desde então, a cidade vem sendo administrada de forma interina. Primeiro por Du Cazelatto (PSDB) e depois por Antonio Miguel Ferrari, o Loira (DC).





Os partidos políticos deverão realizar suas convenções entre os dias 25 e 30 de julho. O registro das candidaturas dos escolhidos deverá ser feito até às 19h de 2 de agosto, e a campanha eleitoral começa a partir do dia seguinte (3).
Estarão aptos para participar da escolha dos novos comandantes municipais os eleitores cadastrados em Paulínia até o último dia 3 de abril.

 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018