25/04/2019 às 12h53min - Atualizada em 25/04/2019 às 12h53min

Santa Bárbara promove luta contra dengue com sacolas itinerantes

Projeto de conscientização é desenvolvido nas escolas de educação infantil do município

Redação
Divulgação
Todos contra o Aedes aegypt em Santa Bárbara d´Oestei! A “Sacola Itinerante contra dengue” é uma das atividades que propagam informações, promovem atitudes de prevenção na sociedade e desenvolvem a cidadania na cidade e auxilia na luta contra a doença. Instituído em todas as escolas municipais de educação infantil durante todo o ano letivo, o projeto envolve alunos e famílias, que compartilham as experiências nas ações de combate ao mosquito transmissor da dengue, zika vírus, chikungunya e febre amarela urbana.

Na EMEI “Rotary”, no Jardim Pérola, cinco sacolas retornaram para a unidade após ficarem na casa dos alunos por alguns dias. Uma criança de cada turma do maternal III levou para casa a sacola com fantoche do mosquito e diário de bordo com orientações e espaço para registrar as ações de prevenção dentro de suas residências, entre fotografias, desenhos, imagens, recortes de jornal ou revista. Nesta semana, as experiências são compartilhadas em rodas de conversa. Os alunos de 3 anos compartilham experiências com os pais e família, multiplicando o conhecimento e fortalecendo a prevenção. No final, do ano, após as sacolas percorreram todas as turmas - do berçário ao maternal, haverá uma exposição das ações desenvolvidas para a apreciação de toda a comunidade escolar.

“Temos um trabalho permanente com o propósito de estimular a atuação dos nossos alunos na comunidade como protagonistas. E prevenir a dengue é um dever de todos. Eles são multiplicadores e as ações beneficiam toda a sociedade. Desenvolver essa consciência da co-responsabilidade sobre tudo à nossa volta integra conceitos de cidadania valorizados pela Administração Municipal do prefeito Denis Andia”, disse a secretária de Educação, Tânia Mara da Silva.

As atividades de combate à dengue seguem nas unidades escolares com preparação de peças de teatro e músicas nas oficinas de teatro nos CIEPs e CAIC Irmã Dulce, sequência didática sobre o tema nas aulas de Ciências, passeatas de conscientização pelas ruas e atuação dos “fiscais da dengue” escolhidos nas escolas para prevenir a proliferação do mosquito, dentre outras ações.


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018