22/02/2019 às 10h57min - Atualizada em 22/02/2019 às 10h57min

Recepção de calouros acontece na FAM

Os estudantes falam sobre seus sonhos e pretensões para o futuro

Luis Capucci - redacao@portalatualidade.com.br
Foto: Divulgação
A FAM (Faculdade de Americana) realizou na noite de ontem (21) um evento para recepcionar os calouros. O evento teve o tema Harry Potter, com atores caracterizados como os personagens dos filmes/ livros e contou também com os temas musicais. A entrada para o auditório foi transformada em um portal para o mundo mágico da franquia.

De acordo com Eryvelton Baldin, Gerente do Departamento Comercial e Marketing da FAM e Coordenador do Curso de Administração da Faculdade, a escolha do tema levou em conta a faixa etária dos alunos. “Nós relacionados o ambiente escolar aos filmes do Harry Potter, que também se passam nesse universo. O primeiro longa foi lançado em 2001 e o último em 2011. O pessoal que está chegando agora tem a média de 17 anos e cresceram vendo esse universo. O primeiro dia de faculdade pode ser meio assustador. Por isso, é importante esse teor lúdico para que a pessoa se sinta acolhida já nesse primeiro momento”, explicou Baldin.

Para a professora Adelaine Astolfo, secretária acadêmica da FAM, este é um momento importante para a carreira destes jovens. "Hoje começa um relacionamento de 2, 4 ou 5 anos junto com todos nós da FAM. Um período de muito aprendizado para todos", disse.

Durante o evento, os calouros falaram com o Portal Atualidade sobre os motivos de terem escolhido os cursos e também sobre seus sonhos. O jovem Douglas Bissoli, de 17 anos, vai começar o curso de biomedicina e é o primeiro da família a entrar em uma faculdade. “O curso de biomedicina abre um leque muito grande. Eu posso trabalhar tanto em laboratório quanto como perito da polícia. Por enquanto, essa área de laboratórios é a que mais me interessa e que eu me vejo seguindo no momento”, declarou o jovem.

Já Maria Inês Celestino, de 47 anos, vai iniciar o curso de design de gráfico e quer utilizar os conhecimentos na área de moda. “Eu trabalho como costureira atualmente. No futuro, eu penso em abrir um negócio próprio. Criar os meus próprios modelos”, relatou Maria.

Por outro lado, Bruno César Prado dos Santos, de 21 anos, vai cursar psicologia para entender melhor o ser humano. “Eu pretendo fazer uma pós-graduação depois. Eu me imagino como um professor dando aula em uma faculdade e também estar ajudando as pessoas”, afirmou Santos.

Mas para Elder Carlos Jovaneli, de 40 anos, que vai iniciar o curso de técnico de automação a principal função da faculdade é mesmo adquirir conhecimento. “Posso no futuro até abrir um negócio próprio, mas minha vida está estabilizada no momento. Eu trabalho na mesma empresa há 20 anos. Então, a faculdade vem mais para agregar. Conhecimento nunca é demais”, disse.
 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018