19/02/2019 às 10h38min - Atualizada em 19/02/2019 às 10h38min

Prefeito participa de reunião por barragem em Americana

Participou de reunião nesta segunda-feira (18) entre representantes de Americana, Piracicaba e Limeira com profissionais da CPFL Renováveis

Assessoria de Imprensa
Foto: Marília Pierre
O prefeito de Americana, Omar Najar, participou de reunião nesta segunda-feira (18) entre representantes de Americana, Piracicaba e Limeira com profissionais da CPFL Renováveis. O encontro ocorreu na PCH (Pequena Central Hidrelétrica) da CPFL e serviu para que as autoridades tomassem conhecimento sobre as condições de segurança da barragem. Além de Omar, o chefe do Executivo de Piracicaba, Barjas Negri, e o deputado estadual Roberto Morais participaram do encontro. Os secretários municipais Odair Dias, do Meio Ambiente; e Ângelo Marton, do Planejamentos; acompanhados por representante da Defesa Civil. Os vereadores de Piracicaba, Gilmar Rotta, José Longatto e Pedro Kawai também estiveram presentes.

 
Na apresentação, conduzida pelo diretor presidente da CPFL Renováveis, Fernando Mano, e pelo diretor de operações da empresa, Adriano Vignoli, dados de investimentos e relativos à classificação de risco da barragem foram apresentadas. Atualmente classificada como Risco A (alto) pela Aneel, a CPFL fez a solicitação de reclassificação para nível médio, uma vez que executou melhorias apontadas pelo órgão. "Hoje essa classificação se dá por uma limitação operativa de uma das comportas, que já foi modificada. Com a manutenção que realizamos, ela reduziu para médio risco. A reclassificação foi solicitada e estamos aguardando por ela. Geralmente a mudança é feita no meio do anos, mas solicitamos um adiantamento", disse Vignoli.
 
O diretor ainda explicou que em função da localização e do potencial de áreas atingidas em caso de rompimento, não há condições para diminuição ainda maior dessa classificação. Quanto à ocorrência eventual de acidente, a empresa informou a existência do PAE (Plano de Ação Emergencial), que prevê ações imediatas em áreas atingidas no entorno da barragem.
 
“Saio daqui muito satisfeito com o que foi apresentado. Claro que temos de acompanhar sempre, nos mantermos informados, mas o que houve na imprensa foi um absurdo, gerou um pânico desnecessário na população“, disse o prefeito de Americana.
 

Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018