08/11/2018 às 20h03min - Atualizada em 08/11/2018 às 20h03min

Manifestação contra a falta de soro antiescorpiônico e outros medicamentos acontece na próxima quarta-feira em S. Bárbara

Quando completa uma semana que Maria Eduarda Pigato, de 10 anos, faleceu após ser picada duas vezes por um escorpião.

Luis Capucci - redacao@portalatualidade.com.br
Foto: Reprodução
Está sendo organizada para a próxima quarta-feira (14) uma manifestação popular contra a falta de soro antiescorpiônico e outros medicamentos na rede pública de saúde de Santa Bárbara d’ Oeste. O evento deve acontecer 19:45 em frente ao Pronto-Socorro Edson Mano, que fica Rua Alice Aranha de Oliveira, n° 45, no bairro Vila Maria.
 


Uma das organizadoras da manifestação é Franciele Cardoso, que é amiga da família de Maria Eduarda Pigato, de 10 anos, que faleceu na manhã de ontem (07) após levar duas picadas de escorpião, uma no pé e outra na mão. Ela foi levada até o Pronto-Socorro Dr. Edson dos Santos Mano, mas de acordo com o relato da família, o local não possui soro antiescorpiônico e o medicamento chegou tarde demais.

“Somos mães e pagamos impostos, portanto temos direito de saber.  Não sabemos o dia de amanhã. E se um filho meu vier a precisar deste medicamento?”, questionou Elaine Campos, que também está organizando a manifestação, se referindo ao local onde o soro antiescorpiônico pode ser encontrado.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018