17/08/2018 às 21h12min - Atualizada em 17/08/2018 às 21h12min

Pronto Socorro Infantil fica fechado a tarde toda e o início da noite

Segundo sindicato, a ausência de pagamento da maioria dos profissionais terceirizados é um dos motivos do problema

Luis Capucci - redacao@portalatualidade.com.br
Foto: Reprodução/ Google Maps
O Pronto Socorro (PS) Infantil do Hospital Ouro Verde em Campinas ficou fechado das 13 horas de hoje (17) até às 19h. De acordo com Sindimed (Sindicato dos Médicos) de Campinas e Região, o fato ocorreu por falta de médicos.

 
Segundo o Sindimed, quatro pediatras estavam na escala de hoje de manhã, sendo que eles já faziam plantão extra para auxiliar no atendimento. Eles foram comunicados ao meio dia pela coordenação de que não haveria substituto para trocar de turno.
 
Com isso, os pediatras entraram em contato com a direção clínica do hospital e com o CRM (Conselho Regional de Medicina) e ambos indicaram que os portões do OS deveriam ficar fechados então.
 
De acordo com o Sindimed, os médicos atenderam a todos os pacientes que havia. Já os que estavam internados e ainda precisavam de atendimento foram transferidos para a enfermaria do hospital.  Não havia nenhuma criança internada no local. As pessoas que foram até o local para receber atendimento foram encaminhadas para outras entidades de saúde.
 
Os motivos da falta de médicos, segundo o Sindimed, é a ausência de pagamento da maioria dos profissionais terceirizados, e pelas demissões dos celetistas, por conta do processo de instauração da Rede Mário Gatti, que já se iniciaram.
 
A Prefeitura de Campinas, através de sua assessoria de imprensa, afirmou que a restrição no atendimento ocorreu porque um profissional escalado para atender a esta demanda passou por uma cirurgia emergencial e entrou em licença médica. A nota da Administração Municipal não fala nada sobre as acusações do sindicato.
 
Dois médicos chegaram ao Pronto Socorro Infantil e atendem no local nesse momento.
 

 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018