26/04/2018 às 15h34min - Atualizada em 26/04/2018 às 15h34min

Corpo de jovem que morreu nos EUA chega na terça-feira em Americana

Amanda Sabino - amanda@portalatualidade.com.br
Foto: Reprodução Facebook
O corpo da jovem Elienai Bispo Miranda, de 20 anos, que morreu no domingo (22) após um acidente de trânsito nos Estados Unidos da América (EUA), deve chegar em Americana na próxima terça-feira (1°) para ser sepultado no Cemitério do Parque Gramado. A informação é do irmão da vítima, o autônomo Paulo Cesar Lustre, de 33 anos, que também mora nos EUA.
 
Segundo Lustre, o velório de Elienai acontecerá no mesmo dia, após às 14 horas, no Cemitério do Parque Gramado, em Americana. O corpo chegará no Aeroporto de Guarulhos às 9h45 do feriado e uma funerária de Americana se encarregará do transporte até a cidade.
 
O acidente aconteceu por volta das 19h45 de domingo, na cidade de Bridgeport, no estado de Connecticut, onde a jovem morava. No momento do acidente, ela estava com o namorado, que também era brasileiro, Danilo Andrade, de 31 anos. Ele pilotava uma moto esportiva e ambos foram fechados por um veículo.
 
“Eles saíram do churrasco na moto esportiva do Danilo para ir para uma praia fazer algumas fotos, já que o inverno acabou aqui nos EUA e estamos com um clima mais quente, favorável para fazer fotos. Durante o trajeto, um carro atravessou na frente deles e ela, que era magra e leve, foi arremessada, o capacete se soltou e ela bateu com a cabeça no asfalto. Minha irmã teve traumatismo craniano, quebrou alguns dentes e, infelizmente, faleceu na hora”, contou Lustre.  
 
De acordo com o irmão de Elienai, o piloto da moto não estava em alta velocidade e o motorista do carro abandonou o veículo por alguns instantes e retornou em seguida, num ato de desespero. A polícia ainda investiga o acidente.
 
Lustre contou, ainda, que soube da morte da irmã quando chegou ao hospital. “Cheguei no hospital sozinho e duas enfermeiras me disseram que eles fizeram tudo o que puderam, mas que ela tinha falecido na hora do acidente”.
 
Além de Lustre, Elienai deixou outro irmão que também mora nos Estados Unidos. Para custear o transporte do corpo, bem como o serviço funerário e a cerimônia que será realizada em Bridgeport, no sábado à tarde, Lustre fez uma arrecadação online, que em cerca de 12 horas angariou aproximadamente U$ 12,5 mil com a ajuda de amigos e pessoas que se comoveram com a situação.
 
“Estamos todos muito tristes, minha mãe e o pai dela estão bastante abalados no Brasil. Desde o acidente estou tomando conta de tudo, com a ajuda de uma tia e da ex-patroa da minha irmã, mas faço tudo com muito amor e carinho para que minha mãe receba o corpo dela possa fazer o velório em Americana”, disse Lustre.   

O namorado da vítima fatal sobreviveu ao acidente, mas teve ferimentos nos braços, quebrou as mãos, está com o olho roxo e teve um coágulo no cérebro. Ele passou por cirurgia e já teve alta do hospital.
 
Ainda de acordo com o irmão, Elienai morava há três anos e meio nos EUA e trabalhava como ajudante de limpeza junto com uma amiga. Ela namorava com Danilo há 8 meses e na véspera do acidente tinha comprado o seu primeiro carro, que seria retirado na terça-feira. “Ela morava sozinha, num apartamento e estava muito bem profissionalmente. Ela estava muito feliz, pois conseguiu comprar seu primeiro carro no sábado à tarde e ia retirar na terça-feira. Era um carro do gosto dela e na sua cor preferida, que era azul”, contou.  
 
O irmão da jovem frisou, ainda, que os amigos da família que vivem no Brasil estão chocados com a perda de Elienai e, assim como os familiares, aguardam a chegada do corpo para o velório em Americana.  
 
   

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018