19/04/2018 às 20h03min - Atualizada em 19/04/2018 às 20h03min

​Vereadores de Americana não aprovam aumento em seus próprios salários

Amanda Sabino - amanda@portalatualidade.com.br
Foto: Divulgação
Depois de aprovarem os reajustes de 9,09% nos salários do prefeito, vice-prefeito e secretários e de 2,49% para os demais servidores municipais, os vereadores de Americana rejeitaram os mesmos 2,49% de aumento em seus próprios salários. 

A votação aconteceu durante a sessão desta quinta-feira (19), poucas horas após a aprovação do aumento nos salários do executivo, que gerou polêmica na câmara e provocou revolta na população por meio das redes sociais. 


O reajuste foi negado por 13 votos contrários e quatro favoráveis. Entre as alegações para a votação contrária, os vereadores Marschelo Meche (PSDB) e Wellington Rezende (PRP) defenderam que as alterações nos salários dos vereadores só podem ser feitas para a próxia legislatura.

A minoria favorável ao aumento do próprio salário foi composta pelos vereadores Dr. Otto Kindui (MDB), Tonhão do Veteranos (MDB - que estava substituindo o vereador Kim), Pedro Peol (PV) e Luiz da Rodaben (PP). 


 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018