21/03/2018 às 18h26min - Atualizada em 21/03/2018 às 18h26min

Subsecretário de Trânsito de Americana orienta morador a interditar a rua por conta própria e não acionar a GAMA

Amanda Sabino - amanda@portalatualidade.com.br
Foto: Reprodução Facebook
Um áudio de uma ligação gravada entre o subsecretário da Unidade de Transportes e Sistema Viário, Emerson Neves Grilo, também conhecido como Pesão, e um morador circulou nesta quarta-fera no WhatsApp. Na gravação, o subsecretário afirma ao morador que a secretaria não está dando autorização para interdição de vias para eventos particulares, mas diz para o homem para fechar a rua com fita zebrada, por conta própria, para uma comemoração de aniversário e o orienta a não acionar a Guarda Municipal de Americana (GAMA) para não ter problemas.
 
Na conversa – possivelmente feita por telefone - entre o subsecretário e o morador, identificado apenas como Emerson, Pesão se apresenta e pergunta “há uma solicitação aqui em nome de Beatriz para um fechamento de via, ali na avenida atrás do campo né? O evento vai ser do que lá?”
 
Após ser informado de que se trata de um aniversário onde vão bastante crianças e o morador e sua esposa, Beatriz, querem fechar a rua para alugar pula-pula, Pesão dá uma orientação ao morador.
 
“Deixa eu te dizer uma coisa. Quando tem evento particular, aniversário, assim, essas coisas, a secretaria não tá emitindo a autorização do fechamento tá? Só que como aí é tranquilo e tudo mais, a gente orienta você fazer o seu evento, sua festa aí, mas tomar um pouco de cuidado, tá? Se você for fechar, mesmo, aí tudo tal, sabe aquelas fitas zebradas, branca, amarela e preta? Custa R$ 7 nas lojas aí. Compra uma e dá uma passada aí na parede do campo até um poste, alguma coisa, para não ter problema”.
 
Marcelo diz que na via só há duas casas e o subsecretário afirma que sabe, pois já viu o local. O morador afirma, ainda, que já fechou a rua umas quatro vezes e indaga “fiquei sabendo que agora está mais complicado. Mas o senhor acha que se eu fizer isso vai ter algum problema?”
 
O subsecretário nega que o munícipe terá problemas, pois no local “quase não circula ninguém e o pessoal pode dar a volta no quarteirão e tudo mais. Não passa ônibus, nada” e ressalta “Tá bom, Marcelo? Você faz isso?”
 
Ao final da conversa, o morador diz que vai acionar a Guarda Municipal e é alertado pelo subsecretário a não chamar os guardas. “Ó, é assim, ó...se você acionar a guarda você vai ter mais problemas ainda, porque você não vai ter a autorização por escrito e os caras vão...entendeu? Se alguém reclamar...agora, mas acho que não vai ter dor de cabeça não, você falou que você já fez a festa aí e tal” e termina desejando um abraço e uma boa festa.
 
Questionada sobre a posição do subsecretário, a Prefeitura de Americana, por meio da assessoria de imprensa, disse que “A Unidade de Transportes e Sistema Viário informa que: Não é de praxe autorizar a população interditar ruas por conta própria. Ressalta-se que a Unidade tem adotado a prática de não realizar interdição de ruas para eventos particulares. Ao tomar conhecimento da prática adotada pelo funcionário neste fato isolado, a Unidade já solicitou para que este tipo de orientação não seja mais realizada”, trouxe a nota.
 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018