17/01/2018 às 19h50min - Atualizada em 17/01/2018 às 19h50min

ONG denuncia tortura e matança de animais em Hortolândia

"Dezenas" de cães foram vítimas de criminoso em uma residência invadida, de acordo com a entidade

Rodrigo Pereira - rodrigo.pereira@portalatualidade.com.br
Redação
ONG alerta que o autor dos crimes está livre e pede que moradores denunciem. Foto: Reprodução | Facebook

Uma ONG (Organização Não Governamental) denunciou ontem (16) um caso de tortura e matança de animais no Jardim Amanda, em Hortolândia. De acordo com a UPI ( União dos Protetores Independentes),  “por dias ou até meses”, uma pessoa “torturou, mutilou, queimou, estuprou, estrangulou, viscerou e matou dezenas de cães e gatos em uma residência que invadiu”. A ONG classificou como psicopata o responsável pelos crimes, que ainda não foi localizado.

De acordo com a entidade, no local foram encontrados corpos carbonizados, mutilados, degolados e decepados, e a ocorrência foi atendida pelo DPBEA (Departamento de Proteção e Bem-Estar Animal), Guarda Municipal e Polícia Militar. O vereador Eduardo Lippaus (PT) também acompanhou o caso, ainda conforme a ONG.

“Estaremos trabalhando para que esse delinquente pague por seus crimes e para que a sociedade se conscientize e entre nessa luta a favor da vida, respeito e cuidado com nossos animais. Não se cale. Denuncie. Uma pessoa que faz isso com um animal inocente e indefeso também pode vir a fazer com uma criança ou um idoso”, divulgou a UPI.

“Foi um situação bastante difícil. De observar e pensar no quanto esses animais sofreram ali na mão desse psicopata e, tenho que dizer, de grande perigo. Basta observar as imagens com atenção para entender de que tipo de ser estamos falando. Lembrando que psicopatia não é o mesmo que uma pessoa louca, que não tem consciência do que faz!!! Fiquem atentos TODOS atentos. Ele ainda está livre e circulando”, publicou no Facebook Amanda Turque, uma das ativistas que acompanhou a ocorrência. A Guarda e PM não divulgaram informações sobre o caso na noite de hoje (17).


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018