25/08/2021 às 09h56min - Atualizada em 25/08/2021 às 09h56min

Ex-diretora técnica diz que vai abrir a caixa preta do Hospital Municipal de Americana

Amanda Sabino
Reprodução/Facebook
Após ser exonerada pelo prefeito Chico Sardelli na terça-feira (24), a médica e ex-diretora técnica do Hospital Municipal “Dr. Waldemar Tebaldi”, Adriana Cardoso, afirmou que vai ‘abrir a caixa preta’ do local. A profissional, que estava no cargo desde abril, também relatou que sofre ameaças e teme pela vida de sua família. 


 
Na noite de terça-feira (24) a médica postou dois vídeos em suas redes sociais onde diz que “o hospital municipal é um dos piores, senão o pior da região”. Ela também afirma que há uma ‘máfia branca’ atuando há anos no local.
 
“Existe uma máfia branca dentro do hospital, que sempre comandou o hospital, que não querem trabalhar, mas querem receber e não dão atendimento para a população. Eu não tenho o apoio da administração pra fazer com que esses profissionais cumpram a carga horária deles”, disse.
 
A ex-diretora também avisou que pretende “entregar para o Ministério Público todos os nomes dos médicos que não cumprem carga horaria ali há anos, mas recebem”.
 
No segundo vídeo, postado minutos após o primeiro, a médica afirma que está sendo ameaçada de morte e teme pela vida de sua família e que fará um Boletim de Ocorrência.
 
“Eu temo pela minha vida, temo pela vida do meu marido, dos meus filhos e de quem é próximo de mim, até dos meus amigos que gostam de mim, porque estou sendo ameaçada por ter falado isso. Eu gostaria que vocês soubessem que eu estou sendo ameaçada por abrir a caixa preta do municipal. E a caixa preta vai ter mais coisas para falar. Estou sendo ameaçada por pessoas, inclusive que são políticas, e por quem trabalha pra elas. Vou fazer um boletim de ocorrência”, finalizou.
 
Questionada sobre o assunto, a Prefeitura de Americana não se manifestou até o fechamento da matéria.
 
 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018