04/06/2017 às 18h35min - Atualizada em 04/06/2017 às 18h35min

PM alegou bilheteria fechada e que ingressos pararam se der vendidos às 11h. Ponte Preta afirma que só para de comercializar no intervalo

Redação
Internet
Aproximadamente dois mil torcedores do São Paulo que viajavam a Campinas para acompanhar o jogo contra a Ponte Preta, neste domingo (4), pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro, tiveram de voltar à capital por orientação da Polícia Militar. A maioria era de torcidas organizadas.

De acordo com o comandante Satto, apenas 600 torcedores tinham ingressos. Os outros pretendiam comprar na hora. Só que a PM alegou que as bilheterias do estádio Moisés Lucarelli estavam fechadas desde 11h e por isso não era mais possível comprar entradas.

“Em todos os jogos, é feita uma revista quando os ônibus saem de São Paulo e chegam a um posto do pedágio na estrada. Nessa vistoria, constatou-se que muitos torcedores não tinham ingressos e não seria mais possível comprar, já que a bilheteria dos visitantes fecha às 11 horas”, falou Satto.

No site oficial da Ponte Preta, porém, a informação é diferente. Segundo o clube de Campinas, as bilheterias para visitantes ficam abertas até o intervalo do jogo. Foram colocados à venda 3 mil ingressos para os torcedores do São Paulo.

 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018