29/12/2020 às 08h35min - Atualizada em 29/12/2020 às 08h35min

Tivoli Shopping espera consumidores para troca de presentes

Divulgação

Passado o Natal, o momento é de trocar presentes para quem precisa ajustar o tamanho do calçado, prefere uma outra cor de camiseta, ou não gostou muito do modelo de bolsa que ganhou. 
 

 

Embora o Código de Defesa do Consumidor assegure a troca de maneira obrigatória somente quando existe algum defeito, a maioria das lojas faz a substituição quando o tamanho não é adequado ou a pessoa que recebeu o presente não gostou da cor ou do modelo, por gentileza. 

 

Muitos comerciantes consideram a troca necessária para fidelizar o cliente e até gerar mais consumo, já que no momento em que a pessoa está na loja para a realização da troca, abre espaço para novas vendas. Mas daí o que vale é a política de troca adotada por cada estabelecimento.  

 

Algumas lojas não aceitam trocas de peças da cor branca ou de roupas íntimas, por exemplo. Outras até aceitam a troca, mas determinam um prazo limite e algumas condições para a substituição ou devolução de mercadorias. Algumas lojas, inclusive, entregam na hora da compra uma espécie de cartão com orientações sobre a forma e os termos de troca.  

 

Em todo caso, alguns cuidados são importantes para evitar problemas e facilitar a troca, tais como manter a etiqueta da loja na peça, no caso de roupas, calçados ou acessórios; se certificar de que o produto esteja nas mesmas condições em que saiu da loja no momento da venda; e apresentar o cupom de troca ou a nota fiscal da compra no ato da troca.  

 

Prazo 

No caso de defeitos aparentes no produto, o prazo para a troca ou reparo é de 30 dias para artigos não duráveis; e de 90 dias para os duráveis. Se o problema não for resolvido neste prazo o consumidor pode exigir a substituição do produto por outro equivalente, a restituição da quantia paga ou o abatimento proporcional do preço. 

 

Se o produto for essencial, caso de geladeira ou fogão, por exemplo, não é preciso aguardar o prazo de 30 dias para conserto, o consumidor pode solicitar de imediato a troca do item ou pedir a devolução do dinheiro ou o abatimento do preço. 

 

Para os demais casos, como tamanho de roupa e calçado incorreto ou cor e modelo que não agradou, passa a valer como regra a política de trocas definida pela loja que praticou a venda. Geralmente, o prazo oferecido para a realização da troca do produto é de 7 dias após a compra, mas algumas lojas ampliam este prazo para até 30 dias.  

 

 

Horário de funcionamento 

Devido às novas restrições impostas pelo Governo do Estado, através do Plano São Paulo, adotado em função da pandemia, o Tivoli Shopping terá mudanças em seu expediente neste final de ano.  

 

De 28 a 30 de dezembro, o shopping terá horário de funcionamento das 10h às 22h para todas as operações. No dia 31, véspera do Réveillon, o expediente será das 10h às 17h.  

 

Já nos dias 01, 02 e 03 de janeiro, o shopping ficará fechado, com funcionamento apenas de delivery, drive-thru e serviços essenciais, no qual se enquadra a Cobasi, que será a única a prestar atendimento presencial – das 10h às 22h no dia 02/01 e das 12h às 20h no dia 03/01.   

 

Promoção 

Neste final de ano, os consumidores que fizerem suas compras no Tivoli Shopping terão a chance de levar para casa um Joy Plus zero quilômetro.   

  

Cada R$ 150 em compras no empreendimento dá direito a um cupom para participar da promoção e concorrer ao carro. A campanha segue até o dia 3 de janeiro. O sorteio será realizado no dia 5 de janeiro, pela Lotomania.   

  

Neste ano, o cadastro das notas fiscais é totalmente on-line. O cadastro dos cupons pode ser feito de maneira simples utilizando o aplicativo Prizor Web, que pode ser baixado na Apple Store e Play Store, ou pelo WhatsApp (11) 94232-7782.   

  

O regulamento completo da promoção está disponível no site do shopping: www.tivolishopping.com.br.  

Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018