03/07/2020 às 19h07min - Atualizada em 03/07/2020 às 19h07min

Governo do Estado pode pegar de volta respiradores enviados à Americana

De acordo com a prefeitura, estado informou que respiradores foram 'emprestados' ao município

Redação
Divulgação
A Prefeitura de Americana informou no final da tarde desta sexta-feira (3) que o Governo do Estado comunicou que pode requerer de volta os cinco respiradores que encaminhou ao município, uma vez que os equipamentos estão em comodato (emprestados) e que pode retirá-los da cidade a qualquer momento, caso haja demanda em outros locais.


Ainda de acordo com a prefeitura, foram identificados problemas em ao menos dois desses equipamentos recebidos, cuja solução já está sendo tratada junto ao Governo Estadual.

Regressão à Fase Vermelha
A prefeitura também enviou uma nota à imprensa lamentando o regresso do município à Fase Vermelha do Plano São Paulo e demonstrando o descontentamento da atual administração com a medida.  

"O Comitê de Crise contra a Covid-19 e a Prefeitura de Americana, lamentam que o município tenha voltado à fase vermelha do Plano São Paulo. A anúncio feito pelo Governo Estadual será seguido por obrigação legal, mas é preciso destacar o descontentamento da administração municipal, uma vez que a situação da nossa cidade destoa das vizinhas. Ainda que o enfrentamento à Covid-19 seja uma longa batalha e que seja importante cumprir todos os protocolos de saúde, o nível atual de ocupação dos hospitais de Americana é similar aos índices da cidade de São Paulo, por exemplo, que já está em fase avançada no processo de reabertura. A estrutura hospitalar municipal vem atendendo à demanda existente, tanto na rede pública quanto na privada. Americana tem ainda um hospital de campanha preparado para ser ativado se necessário. Por estar em uma região com cidades registrando alta ocupação hospitalar, Americana terá de abrigar pacientes de municípios vizinhos se for determinado pelo Estado. Portanto, a partir de segunda-feira, Americana volta para a fase vermelha e aguarda posicionamento e reavaliação de toda a região. Com isso, novamente, somente os serviços essenciais poderão ser abertos e os demais poderão trabalhar em sistema de delivery e drive thru. Pedimos a compreensão da população e a ação conjunta no combate à Covid-19", trouxe a nota.

Casos de Covid-19
A Prefeitura de Americana, por meio da Vigilância Epidemiológica, informou nesta sexta-feira (3) o registro de mais um óbito por Covid-19, totalizando 31 mortes pela doença de residentes no município. Trata-se de um homem de 63 anos, morador do bairro São José, que faleceu no dia 23 de junho no Hospital Municipal “Dr. Waldemar Tebaldi”, onde estava internado desde o dia 15 de junho. O paciente tinha insuficiência renal, diabetes e hipertensão.
 
O boletim atualizado traz ainda 163 novos casos positivos de Covid-19, sendo oito após realização de exames PCR e 155 após realização de testes rápidos. Desse total, 23 estão curados, 136 estão em isolamento domiciliar e quatro estão internados em hospitais particulares: um homem de 47 anos, do bairro Nova Carioba; um homem de 55 anos, do Vale das Paineiras; um homem de 55 anos, do Parque Gramado; e um homem de 59 anos, do Cidade Jardim.
 
Americana registrou também 47 novos casos suspeitos que estão aguardando resultados de exames PCR. Desse total, 45 estão em isolamento domiciliar e dois estão internados em hospitais particulares: uma mulher de 54 anos, do Zanaga; e um homem de 48 anos, do São Jerônimo.
 
O quadro geral da Covid-19 em Americana é o seguinte: 639 casos positivos, sendo 31 óbitos, 15 internados, 161 em isolamento domiciliar e 432 curados; 164 casos suspeitos aguardam resultados de exames, sendo seis óbitos, 26 internados em hospitais e 132 em isolamento domiciliar. Além disso, o município contabiliza agora 1.379 casos que eram considerados suspeitos, mas que já foram descartados pelo resultado de exame negativo.
 
 
Ocupação de leitos Covid-19
A Secretaria de Saúde de Americana informou, nesta sexta-feira, que a ocupação de leitos destinados exclusivamente para pacientes suspeitos ou confirmados de Covid-19 é de 72% com respiradores (de 43 no total, 31 estão ocupados) e de 46% sem respiradores (de 56 no total, 26 estão ocupados). Esse percentual leva em consideração todos os leitos do município, tanto do Hospital Municipal, quanto dos hospitais particulares.
 
A ocupação de leitos apenas no Hospital Municipal é a seguinte: 53% com respiradores (de 15 no total, 8 estão ocupados) e 40% sem respiradores (de 20 no total, 8 estão ocupados). Os dados foram atualizados às 10 horas.


 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Manifestação na câmara municipal de Santa Bárbara, servidores municipais cobrando sobre o reajuste de 1,69 de aumento no salário.

Publicado por Portal Atualidade em Terça-feira, 29 de maio de 2018